A tese do Sindicato APEOC em defesa do investimento do precatório do Fundef na valorização dos professores e da Educação Pública foi vitoriosa desta vez no município de Paracuru.

Representado pelo vice-presidente estadual, Reginaldo Pinheiro, o Sindicato APEOC firmou acordo com o prefeito de Paracuru, Sidney Gomes, garantindo 60% dos recursos do fundo para o pagamento dos profissionais do magistério. O valor aproximado do precatório a ser recebido pelo município é de R$ 28 milhões.

O compromisso foi firmado durante assembleia realizada na terça-feira (21/06) na Escola Municipal de Paracuru. Na reunião, também estavam presentes a secretária de Educação de Paracuru, Arlete Rocha, o dirigente estadual do Sindicato APEOC na cidade, Roberto Leonilo, e os dirigentes municipais Eudásio Gomes, Marinete Batista e Nadja de Andrade.

Além de Paracuru, os prefeitos dos municípios de Itapiúna, Forquilha, Aracoiaba, Icó, Jucás e Ibicuitinga também entenderam a importância do investimento do precatório do Fundef na valorização do magistério e se comprometeram a destinar 60% dos recursos do Fundo aos professores municipais, como defende o Sindicato APEOC.