O município de Aratuba, situado na região do Maciço de Baturité, acatou a tese do Sindicato APEOC em defesa do investimento do precatório do Fundef na valorização dos professores. O prefeito da cidade, Ivan Santos Neto, assumiu o compromisso de destinar 60% dos recursos do Fundo para os profissionais do magistério.

O acordo foi firmado na tarde deste sábado (02), durante assembleia com professores do município. O compromisso foi lavrado em ata, assinado pelo prefeito do município e pelo presidente estadual do Sindicato APEOC, Anizio Melo. O encontro ocorreu na Escola Municipal Professora Maria Júlia Batista e contou com a presença do secretário de Educação de Aratuba, Israel Vital Viana.

2016.07.02.Fundef para professores de Aratuba.15.300x
  • APEOC
  • Twitter
  • Google+
  • Gmail
2016.07.02.Fundef para professores de Aratuba.13.300x
  • APEOC
  • Twitter
  • Google+
  • Gmail

Nessa batalha judicial, a tese do Sindicato APEOC é que 60% dos valores recebidos pelas prefeituras, relativos aos precatórios do FUNDEF, sejam investidos na valorização do Magistério e repassados aos professores municipais, como prevê a lei do Fundo.

A ação da entidade já surtiu efeito em sete municípios do Ceará. As prefeituras de Itapiúna, Aracoiaba, Paracuru, Forquilha, Icó, Jucás e Ibicuitinga se comprometeram a destinar 60% dos recursos do Fundo aos profissionais da Educação, como recomenda o Sindicato APEOC.